google-site-verification=t0RqaUFOILcT8EBxg1NEFiP7WVYlBg00uilQ2klT440
 

Rubiataba-Mozarlândia

Diocese de

LANÇAMENTO OFICIAL DO SITE DO 3º ANO VOCACIONAL DO BRASIL SERÁ REALIZADO COM LIVE ESPECIAL

Fonte: cnbb.org.br



A Comissão de Comunicação do Ano Vocacional do Brasil realiza na próxima quinta-feira, 20 de outubro, às 20h, uma live na qual será feito o lançamento oficial do site do terceiro Ano Vocacional do Brasil. A live é uma parceria da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e da Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB).

Segundo a irmã Neusa Santos, coordenadora da Comissão de Comunicação do Ano Vocacional, a ocasião será oportuna para aprofundar o Ano Vocacional, que tem como tema “Vocação: Graça e Missão”, bem como discutir seus objetivos.

“Além disso teremos a oportunidade de acompanhar a interação do próprio site que será apresentado pelo nosso colega de equipe, Adilson Zorzi, que trará as novidades que a plataforma apresenta para interação de todo o público”, disse.

Participam da live o presidente da Comissão para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada da CNBB, dom João Francisco Salm, que irá fazer uma apresentação do tema do Ano Vocacional; a irmã Maristela Ganassini, da CRB, que irá realizar uma discussão sobre os objetivos propostos pelo Ano Vocacional; e o Adilson Zorzi, que irá fazer a apresentação do site oficial.

A live terá a mediação da irmã Neusa, coordenadora da Comissão de Comunicação do Ano Vocacional, e poderá ser acompanhada, às 20h, no Youtube da CNBB e da CRB Nacional.

“Participe conosco! É o terceiro Ano Vocacional do Brasil fazendo o lançamento oficial de seu site”, exorta a irmã Neusa Santos.

O site oficial do Ano Vocacional

A Comissão de Comunicação do Ano Vocacional do Brasil tem a intenção de ajudar a criar a interação, sobretudo do que estiver acontecendo nas dioceses, sobre a viência do Ano Vocacional. O site será oportunidade de encontro das notícias, a oração e o hino vocacional, subsídios, artigos, fotos do Ano.

“A Comissão deseja com essa plataforma, com esse lançamento, também se manter conectado com informações vindas das comunidades, compartilhando por meio do site os seus depoimentos e contando as sua vivências do Ano Vocacional”, explicou a irmã Neusa.

O Ano Vocacional

O terceiro Ano Vocacional da Igreja no Brasil será celebrado de 20 de novembro de 2022 a 26 de novembro de 2023. A iniciativa comemora os 40 anos do primeiro ano temático dedicado à reflexão, oração e promoção das vocações no país.

Inspirado no Documento Final do Sínodo dos Bispos sobre Os jovens, a fé e o discernimento vocacional” o tema do Ano Vocacional 2023 é “Vocação: Graça e Missão” e o lema “Corações ardentes, pés a caminho” (cf. Lc 24, 32-33).

O tema “Vocação: Graça e Missão” se fundamenta na afirmação de que “a vocação aparece realmente como um dom de graça e de aliança, como o mais belo e precioso segredo de nossa liberdade”, conforme o Documento Final de nº 78.

Já o texto bíblico iluminador Jesus chamou e enviou os que ele mesmo quis (cf. Mc 3, 13-19)” ajuda a aprofundar que a origem, o centro e a meta de toda a vocação e missão é a pessoa de Jesus Cristo.

“Encarar o desafio de uma espiritualidade para o Ano Vocacional: “vocação” é iniciativa de Deus, é mistério, é graça, é experiência de encontro com Jesus, é fascínio e alegria, é assombro, é sensibilidade ao apelo, é inconformidade, é resposta pessoal, é envolvimento comunitário, é missão, é tarefa, é serviço, é disposição para o sacrifício, é entrega da vida, é coragem e determinação, é esperança e convicção firme, é testemunho de fé: é “espiritualidade” como a que moveu o próprio Jesus e marcou sua personalidade, imprimindo-lhe caráter e identidade”, disse a Comissão organizadora.

O lema “Corações ardentes, pés a caminho” (cf. Lc 24, 32-33) fala do coração e dos pés. Recorda os discípulos de Emaús. O coração que arde ao escutar a Palavra do Ressuscitado e os pés que se colocam a caminho para anunciar o encontro com o Cristo.

“Desejamos que o Ano Vocacional ajude cada pessoa a acolher o chamado de Jesus como graça, seja uma oportunidade para que mais e mais corações ardam e que os pés se ponham a caminho, em saída missionária”, finalizou a Comissão.