google-site-verification=t0RqaUFOILcT8EBxg1NEFiP7WVYlBg00uilQ2klT440
 

Rubiataba-Mozarlândia

Diocese de

Acolhida dos novos párocos de Matrinchã e Waldelândia


A Paróquia de Santa Luzia, em Matrinchã, acolheu seu novo Pároco, Padre Adair Correa. A Santa Missa de posse canônica, que aconteceu neste sábado, 06 de fevereiro, foi presidida pelo bispo diocesano, Dom Francisco Agamenilton.


Durante a Santa Missa, Dom Agamenilton, refletindo sobre o Evangelho em que Jesus toma a sogra de Pedro pela mão e a levanta, lembrou que “o padre se aproxima do doente do mesmo modo que Jesus fez, se faz próximo da dor do outro, pois há momentos na vida que é preciso uma mão para se levantar e o padre, como ungido, recebe essa missão”.


Durante a celebração foi apresentado o Diácono João Paulo, que recebeu a missão de cooperador paroquial. Padre Adair e Diácono João Paulo fazem parte do Clero Diocesano de Anápolis e foram enviados pelo seu bispo, Dom João Wilk. Dom Agamenilton agradeceu a disponibilidade da Igreja Diocesana de Anápolis: “a falta de padre significa mais gente doente. Essa cooperação da Diocese de Anápolis é o Evangelho sendo colocado em prática”.


A Paróquia de Santa Luzia ficou vacante com o retorno do Padre João Paulo Silva a Diocese de Anápolis. Ele esteve à frente da paróquia por três anos. A Diocese de Rubiataba-Mozarlândia agradece a disponibilidade do Padre João Paulo neste tempo de missão.



No domingo, dia 07 de fevereiro, foi a vez da Paróquia Nossa Senhora de Fátima, em Waldelândia, acolher o Padre Divino Eterno. A celebração aconteceu de acolhida do novo pároco também foi presidida pelo Bispo Diocesano em clima de festa e alegria.


Padre Divino Eterno, que atualmente também é vigário da Catedral, assume a Paróquia após a liberação do Padre Jamel Carlos para estudos.