google-site-verification=t0RqaUFOILcT8EBxg1NEFiP7WVYlBg00uilQ2klT440 Forania Nossa Senhora da Glória realiza encontro de Ministros da Comunhão | Diocese de Rubiataba

© 2014 por PASCOM RuMo. Resiolli/WIX.com

Tel - (62)3348-6187

dioceserumo@hotmail.com

Rua João Paulo II, Q. 08, L. 06 St Camões 

76700-000 Mozarlândia/GO

Rubiataba-Mozarlândia

Forania Nossa Senhora da Glória realiza encontro de Ministros da Comunhão

06/07/2017

 

A Forania de Nossa Senhora da Glória realizou no último domingo (02) o encontro de formação e espiritualidade para os Ministros Extraordinários da Comunhão Eucarística. Este ano a Paróquia de Nossa Senhora da Glória, de Rubiataba sediou o encontro que contou com a participação de diversos Ministros da Comunhão das diversas paróquias que fazem parte da Forania.

 

O Bispo Diocesano, Dom Adair José Guimarães, conduziu o momento catequético e formativo e ao final do encontro presidiu a Santa Missa na Igreja Catedral.

 

Você sabia?

Até 1969 somente o ministro ordenado podia distribuía a Sagrada Comunhão aos fiéis. Isso porque a distribuição da Eucaristia é um oficio reservado aos diáconos, sacerdotes e bispos. 

 

Em 30/04/1969, pela Instrução Imensae Charitatis e pelo Motu Próprio de Paulo VI Ministeria Quedam se confere tal faculdade também ao acólito, como ministro extraordinário. 

 

A partir do Vaticano II cresce a adesão dos fiéis à Sagrada Comunhão, bem como a necessidade de que Jesus Eucarístico seja levado também aos enfermos. 

 

 Diante disso, as Conferências Episcopais solicitam a Santa Sé (ao Papa) a permissão de designarem ministros extraordinários para a distribuição da Sagrada Comunhão.

 

 A Instrução acerca de algumas questões sobre a colaboração dos fiéis leigos no sagrado ministério dos sacerdotes define a missão do Ministro Extraordinário da Comunhão: "Trata-se de um serviço litúrgico que responde a necessidades objetivas dos fiéis, destinado sobretudo aos enfermos e às assembleias litúrgicas nas quais são particularmente numerosos os fiéis que desejam receber a sagrada comunhão".

 

Não diferença entre receber a comunhão com o Sacerdote ou com o Ministro extraordinário, já que a Eucaristia é o mesmo Jesus Cristo vivo, seja nas mãos do Sacerdote ou do fiéis leigo que coloca sua vida à serviço do Ministério. 

Please reload

October 29, 2019

Please reload

Arquivo
Please reload

Tags